Facebook   Twitter

COVID-19 | LAMEGO

 

 

O Relatório Diário de Situação do Município de Lamego, que informa sobre a evolução epidemiológica neste concelho, deixou de ser publicado diariamente.

A atual situação da pandemia da COVID-19 neste território está estabilizada, pelo que a atualização desta informação apenas regressará caso se justifique. Continuarão, no entanto, a ser divulgados os números da epidemia em Lamego neste site.

O Município de Lamego renova o apelo ao empenho e ao sentido de responsabilidade de todos os cidadãos para que adotem as atitudes cívicas necessárias com vista a impedir a propagação do novo coronavírus.


Na atual fase de desconfinamento, é imperativo que saiam de casa em segurança. Respeitem as condições de distanciamento social e de higiene.
Vamos ser solidários e fazer um derradeiro esforço de contenção social.

Coronavírus (COVID-2019)

 
 
 
 
 
 
 
 
 
A Direção-Geral da Saúde (DGS) mantém-se atenta e a acompanhar a situação, em articulação permanente com instituições/organizações nacionais e internacionais para adoção de medidas a nível nacional e em consonância com as recomendações que forem sendo emitidas pela Organização Mundial da Saúde e pelo European Centre for Disease Prevention and Control (ECDC), podendo ver aqui os casos registados mundiamente. Conheça as características do vírus que provoca a doença pelo novo Coronavírus (COVID-19). O novo coronavírus, intitulado COVID-19, foi identificado pela primeira vez em dezembro de 2019, na China, na Cidade de Wuhan. Este novo agente nunca tinha sido previamente identificado em seres humanos, tendo causado um surto na cidade de Wuhan. A fonte da infeção é ainda desconhecida. Os Coronavírus são uma família de vírus conhecidos por causar doença no ser humano. A infeção pode ser semelhante a uma gripe comum ou apresentar-se como doença mais grave, como pneumonia. Ainda está em investigação a via de transmissão. A transmissão pessoa a pessoa foi confirmada, embora não se conheçam ainda mais pormenores.

Saiba mais em Perguntas Frequentes.

Estas são as principais recomendações das autoridades de saúde à população.

O surto do novo coronavírus detetado na China tem levado as autoridades de saúde a fazer recomendações genéricas à população para reduzir o risco de exposição e de transmissão da doença. Eis algumas das principais recomendações à população pela Organização Mundial da Saúde e pela Direção-geral da Saúde portuguesa:

  • Lavagem frequente das mãos com detergente, sabão ou soluções à base de álcool;
  • Ao tossir ou espirrar, fazê-lo não para as mãos, mas para o cotovelo ou para um lenço descartável que deve ser deitado fora de imediato;
  • Evitar contacto próximo com quem tem febre ou tosse;
  • Evitar contacto direito com animais vivos em mercados de áreas afetadas por surtos;
  • Deve ser evitado o consumo de produtos de animais crus, sobretudo carne e ovos;
  • Em Portugal, caso apresente sintomas de doença respiratória e tenha viajado de uma área afetada pelo novo coronavírus, as autoridades aconselham a que contacte a Saúde 24 (808 24 24 24).

 ONDE POSSO ENCONTRAR MAIS INFORMAÇÕES ?

Visite os sites da DGS

 Documentos

 download icon png 4375PLANO DE CONTINGÊNCIA  | Feira Semanal

download icon png 4375  Acesso a plataforma interna (Documentação diversa COVID-19)

download icon png 4375  Baixas, faltas ou quarentena por causa do vírus? Governo esclarece dúvidas dos funcionários públicos

Usamos próprios e cookies de terceiros para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar considera aceitar a nossa política de cookies. Política de Privacidade